CONGRESSO INTERNACIONAL “MACAU E A LÍNGUA PORTUGUESA: NOVAS PONTES A ORIENTE”

Macau tem constituído, desde o século XVI, uma ponte importantíssima entre Oriente e Ocidente, um ponto de referência no diálogo e enriquecimento mútuo de culturas e línguas muito diferentes.

É em e desde Macau que se tem realizado um grande investimento na formação de quadros bilingues em chinês-português, o que implica investigação em temas diversos como a língua portuguesa, as literaturas e as culturas dos países lusófonos, as metodologias de ensino do português, bem como a tradução e a interpretação.

No ano em que se comemoram os 40 anos do restabelecimento de relações diplomáticas entre a China e Portugal, e os 20 anos da criação da Região Administrativa Especial de Macau, o Instituto Politécnico de Macau e o Instituto Português do Oriente, que também comemora 30 anos de existência, organizaram em Macau o congresso internacional “Macau e a Língua Portuguesa: Novas Pontes a Oriente”.

Este congresso, que decorreu entre 27 e 29 de novembro de 2019, foi o ponto de encontro onde professores e investigadores de diferentes geografias puderam partilhar as suas reflexões académicas e pesquisas sobre temas relativos à língua portuguesa, o seu ensino, tradução e interpretação, bem como às literaturas e culturas que se exprimem em português.

Foi também objetivo deste congresso contribuir para consolidar e divulgar o papel de Macau e da língua portuguesa como ponte e plataforma entre a China e os países de língua portuguesa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *