ENSINO DA INTERPRETAÇÃO EM PORTUGAL

Em Portugal, embora sejam vários os estabelecimentos de ensino superior com formação em Tradução, o mesmo não se verifica em relação à Interpretação. Apenas a Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (FLUL), o Instituto Politécnico do Porto (IPP) e o Instituto Politécnico de Leiria (IPL) contemplam formação superior nesta área.

Em 1990 foi aprovada a primeira licenciatura na área da Tradução e Interpretação em Portugal, apresentada pelo Departamento de Línguas e Literaturas Modernas da Universidade Autónoma de Lisboa. No âmbito desta licenciatura, os alunos tinham disponíveis não só cabinas de interpretação simultânea completamente equipadas, mas também software de legendagem (Spot) e de tradução (Trados).

Em 2007/2008 realizou-se a primeira edição do Mestrado em Tradução e Interpretação Especializadas (MTIE) do IPP, que, desde então, tem vindo a desenvolver-se com assinalável sucesso. As aulas são lecionadas em ambiente laboratorial tecnologicamente avançado, com recurso às ferramentas de tradução assistida e automática, de localização de software e de interpretação mais utilizadas no mercado português e internacional.

São também de assinalar outras iniciativas, como o mestrado em Tradução e Interpretação de Conferências, organizado pela FLUL em colaboração com o Instituto Politécnico de Macau, o qual também é responsável, em parceria com o IPL, por uma Licenciatura em Tradução e Interpretação Português/Chinês – Chinês/Português. Também resultado de uma parceria entre o IPL, a Universidade de Língua e Cultura de Pequim e o Instituto Politécnico de Macau, foi organizado o Mestrado em Português e Chinês – Especialidade em Tradução e Interpretação.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *