Traductatermo em foco: pós-verdade

Qualquer tentativa de descrição do real ou do imaginário acarreta consigo a necessidade de expressão. As formas de expressão são múltiplas mas é da palavra que, por vezes, se transforma em termo, que queremos aqui realçar o papel. Assim, periodicamente, encontrará neste espaço um novo apontamento linguístico que sintoniza a atualidade do momento com a necessidade de expressão que esta ocasiona, no mundo da tradução e afins.

 

O termo “post-truth” traduzido em português por pós-verdade foi escolhido como palavra do ano 2016 pelos Dicionários Oxford. Este termo, já utilizado no passado em relação a fenómenos controversos, políticos e sociais, ganhou maior força de expressão em 2015, no âmbito do Brexit (saída do Reino Unido da União Europeia). Desde então, a utilização deste termo aumentou exponencialmente na Internet, registando-se um pico de frequência de uso do termo no contexto recente das eleições nos Estados Unidos.

Pós-verdade: define-se como “relativo ou denotando circunstâncias em que factos objetivos são menos influentes na formação da opinião pública do que apelos à emoção e crença pessoal”. Neste caso particular, o prefixo "pós" não é utilizado para referir uma situação ou um acontecimento específico posterior a qualquer coisa, como em pós-guerra, pós-graduação ou em pós-parto mas, especificamente, para salientar a rejeição ou irrelevância de um conceito. (Oxford Dictionaries)

Em termos linguísticos, estamos perante a deteção de uma nova aceção “rejeição ou irrelevância” associada ao formante da língua “pós”. Trata-se sem dúvida de um fenómeno de enriquecimento lexicossemântico da língua que poderá, no futuro, dar lugar à formação de novos termos baseados no mesmo princípio de formação morfológica.

Atualmente, o sucesso de um novo termo depende do seu contexto de uso e sobretudo do veículo utilizado para a sua propagação, sendo que, no caso de pós-verdade, o conceito surgiu dentro do contexto sociopolítico e encontrou a sua principal fonte de difusão na influência das redes sociais.

Para comentários ou sugestões: terminologia@traductanet.com

Novembro 2016

Fontes: Oxford Dictionaries; Público; Dinheiro Vivo; Sapo24

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *